O ESPORTE COMO FERRAMENTA DE EMPODERAMENTO E INCLUSÃO SOCIAL

O ESPORTE COMO FERRAMENTA DE EMPODERAMENTO E INCLUSÃO SOCIAL


Publicado em: 06/09/2019 11:33 | Fonte/Agência: Departamento de Comunicação

Whatsapp

 

A Prefeitura de Dom Pedrito através do Departamento de Esporte, Turismo e Lazer tem a meta de através da diversificação da prática esportiva e das atividades de lazer, fazer com que pessoas de todas as idades pratiquem e participem das atividades oferecidas pela Prefeitura de Dom Pedrito, seja nas promoções realizadas ou no apoio que tem dados para outras iniciativas.

Para uma maior participação de esportistas e da torcida, foram adotadas algumas adequações nos campeonatos já existentes e feitas melhorias e investimentos.

Em Dom Pedrito, a modalidade com maior participação de atletas e torcida é o futebol, de campo e de salão, por isso, as melhorias voltadas num primeiro momento para a área.

Futebol sete – realizado no Módulo Esportivo, em 2019 teve 24 equipes participantes, envolvendo 432 atletas. Além disso, teve a adesão inédita da equipe Mente Humana que é coordenado pelo Centro de Atenção Psicossocial (CAPS). Através da participação dos atletas do Mente Humana no Campeonato é possível mostrar para os demais, que inclusão resolve e a exclusão só piora o quadro mental do ser humano.

Master 35 Anos, também disputado no Módulo Esportivo, o campeonato contou com a participação de 10 equipes e o envolvimento de 300 atletas, entre jogadores e dirigentes.

Citadino (Campeonato de Futsal) – realizado no Clube Comercial, em parceria com a Rádio Upacaraí, tem a participação de 29 equipes, reunindo em torno de 500 atletas entre as categorias A e B (masculino), Feminina e Master. O Citadino está em andamento e finaliza em dezembro.

Corrida de Rua
Uma das práticas esportivas que mais aumentou na cidade, foi a corrida de rua. Segundo o diretor de Esporte, Turismo e Lazer, Glécio da Cruz, a corrida cresceu muito e, muito disso se deve aos estímulos que o poder público tem ofertado aos esportistas e aos grupos e empresas que estão envolvidos na prática. “Temos no calendário anual as rústicas de Dia da Mulher, Dia do Soldado e a São Silvestre. Fora essas três realizadas por nós, apoiamos através da premiação os que realizam rústicas particulares”, destacou. Para que aconteçam as rústicas é necessário que as pessoas treinem, vemos diariamente dezenas de pessoas correndo na rua e, com certeza essas pessoas estão em busca de convivência e melhor qualidade de vida.

“Neste ano apoiamos os torneios de vôlei e handebol, temos projeto de em breve realizarmos torneios nestas modalidades também”, destacou o diretor.

Circuito Verão Sesc
Anualmente, o Departamento de Esporte organiza a etapa de Dom Pedrito e dado apoio na ida dos finalistas para Capão da Canoa. As competições acontecem na Pracinha da Paz e contam com a participação de um grande número de atletas e de torcedores.

Público infantil
O Departamento também desenvolve atividades voltadas para as crianças e adolescentes, envolvendo-os em atrações e competições.

Este, já será o terceiro ano que a carreta do SESC Recrearte” estará na cidade de 26 a 29 de setembro, trazendo até o nosso público infantil cinema, teatro e brincadeiras, com acesso gratuito.

Para o dia 12 de outubro, Dia da Criança, estão programadas diversas atividades no entorno da Praça General Osório, que ainda estão sendo definidas junto a parceiros.

Participação no Seminário Futebol na Infância e na Adolescência da CBF Social, realizado em Bagé, pela primeira vez no interior do Rio Grande do Sul. “No último domingo, oportunizamos a ida de 20 crianças da Escolinha São Gregório com seu responsável Fernando a Bagé, onde as crianças participaram das atividades”, destacou Glécio.

1º Cantando na Escola
Também está em andamento o 1º Cantando na Escola, que envolve a participação de alunos de escolas municipais, estaduais e particulares. O projeto também conta com a participação do Departamento de Cultura e Gabinete da Primeira-Dama, com apoio do Conselho Municipal de Turismo e tem o objetivo de descobrir novos talentos, promover a inclusão, estimular a autoestima, despertar o gosto pela música, trabalhar e desenvolver a disciplina e promover a competição sadia entre as escolas, alunos participantes, professores e pais.

Já foram realizadas as etapas nas escolas com a escolha dos semifinalistas que preencheram os quesitos: ritmo, afinação, interpretação e fidelidade à letra. A semifinal será realizada em setembro e a grande final em outubro, dentro das comemorações do aniversário de Dom Pedrito.

Outros projetos
Estamos em tratativas para a realização dos campeonatos Taça de Ouro e Taça de Prata, com as tradicionais equipes do Olaria, Botafogo e Cruzeiro.

Investimentos
Temos muitos feitos a comemorar, os nossos números de participação nos nossos projetos são fantásticos, bem como, a presença das torcidas nas competições e da comunidade nos eventos em que organizamos ou estamos apoiando.

Para acomodar a torcida, está em fase adiantada a obra das arquibancadas no Módulo Esportivo, com certeza atrairá ainda mais público para aquele local que já é muito utilizado.
“Lá no Módulo também estamos adequando um novo campo para competições e realizando a arborização do local”, enfatizou.

O poder público também já realizou muitas melhorias na Pracinha da Paz, “infelizmente ali temos problemas crônicos em razão da depredação”, destacou.

“O esporte é decisivo na inclusão social, na formação do cidadão e na construção de valores, por isso, temos vários projetos voltados para as crianças e adolescentes. O esporte realmente pode fazer a diferença na vida de uma criança, jovem ou adulto”, finalizou o diretor.